Na cirurgia para Síndrome de De Quervain, é realizada uma incisão de mais ou menos dois centímetros no dorso do punho, em linha com o polegar. Após, é feita a abertura do teto do primeiro compartimento extensor, criando mais espaço no seu interior.