Canelite ou síndrome do estresse tibial medial

artroscopia para reparo de lesões meniscais

Também conhecida como periostite – SSMT – shin splint.

Dores nas canelas é um problema comum relacionado ao exercício. O termo “canelas” refere-se a dor ao longo da borda interna da perna (tíbia).

Geralmente desenvolvem após a atividade física. Ela é frequentemente associada com a corrida. Qualquer atividade esportiva vigorosa pode causar canelite, especialmente se você está apenas começando um programa físico.

Medidas simples podem aliviar a dor nas canelas. Repouso, gelo e alongamento, muitas vezes ajudam. Tomando cuidado para não exagerar na sua rotina de exercícios irá ajudar a evitar que as dores retornem.

Descrição

Dores nas canelas (síndrome do estresse tibial medial) é uma inflamação dos músculos, tendões e tecido ósseo em torno do osso da tíbia. A dor normalmente ocorre ao longo da borda interna da tíbia, onde os músculos fixam ao osso.

Causas

Em geral, síndrome do estresse tibial medial desenvolve quando os tecidos do músculo e do osso (periósteo) na perna ficam sobrecarregados por atividade repetitiva.

Ocorrem frequentemente após mudanças bruscas de atividade física. Estas podem ser as mudanças na freqüência, tais como o aumento do número de dias que se exercitam a cada semana. Mudanças na duração e intensidade, como correr distâncias mais longas ou em morros, também pode causar dores nas canelas.

Outros fatores que contribuem:

– Ter pés chatos ou arcos anormalmente rígidos
– Exercício com calçado impróprio ou desgastados

Os corredores estão em maior risco. Dançarinos e recrutas militares são outros dois grupos freqüentemente diagnosticadas com a condição.

Sintomas

O sintoma mais comum é a dor ao longo da borda da tíbia. Também pode ocorrer leve inchaço na área.

A dor pode:

– Fina como um corte de faca ou latejante e constante
– Ocorrer durante e após o exercício
– Ser agravada ao tocar o local sensível

Exame médico ortopédico

Depois de discutir os seus sintomas e histórico, o médico irá examinar a sua perna. Um diagnóstico preciso é muito importante. Por vezes, podem existir outros problemas que podem ter um impacto sobre a cura.

Seu médico pode pedir exames de imagem adicionais para descartar outros problemas. Várias condições podem causar dor na canela, incluindo fraturas de estresse e tendinite.

>>> Exame de Análise da pisada e postura >>>

Fratura por estresse – saiba mais aqui >

Caso suas dores nas canelas não são sensíveis ao tratamento, o seu médico pode querer certificar-se de que você não tem uma fratura por estresse. A fratura por estresse é uma pequena rachadura ou edema ósseo na tíbia causada por excesso de uso.

Os exames de imagem que criam imagens de anatomia ajudam a diagnosticar doenças, como a cintilografia óssea e estudo de ressonância magnética.

Tendinite

Tendões unem os músculos aos ossos. Tendinite ocorre quando os tendões estão inflamados. Isto pode ser doloroso, especialmente se existe uma ruptura parcial do tendão envolvido. Uma ressonância magnética pode ajudar a diagnosticar tendinite.

Tratamento

Tratamento conservador

Repouso: Como a canelite é normalmente causada ​​pelo uso excessivo, o tratamento padrão inclui várias semanas de descanso da atividade que causou a dor. Tipos de atividade aeróbica com baixo impacto podem substituir durante a sua recuperação, tais como natação, usando uma bicicleta estacionária ou um aparelho elíptico.

Medicamentos anti- inflamatórios não-esteróidais: Drogas AINE podem reduzir a dor e o inchaço.

Gelo: Use compressas frias durante 20 minutos de cada vez, várias vezes por dia. Não aplique gelo diretamente sobre a pele.

Compressão: Utilizar uma bandagem de compressão elástica pode evitar inchaço adicional.

Exercícios de flexibilidade: Alongar os músculos da perna pode fazer os sintomas diminuírem.

Sapatos de apoio: Usar sapatos com bom amortecimento durante as atividades diárias irá ajudar a reduzir o estresse em suas canelas.

Órteses: Pessoas que têm pés chatos ou problemas recorrentes com dores nas canelas podem se beneficiar de órteses. Palmilhas podem ajudar a alinhar e estabilizar seu pé e tornozelo. Órteses podem ser feitos sob medida para o seu pé ou compradas prontas.

Voltar para o exercício: Dores nas canelas geralmente desaparecem com o repouso e os tratamentos simples descritos acima. Antes de retornar ao exercício, você deve estar livre de dor por pelo menos 2 semanas. Tenha em mente que quando você voltar a exercitar, deve retornar em um nível mais baixo de intensidade.

Certifique-se de aquecer e alongar bem antes de se exercitar. Aumentar a intensidade ou distância lentamente. Se você começar a sentir a mesma dor , pare o exercício imediatamente. Use uma compressa fria e descanse por um dia ou dois. Voltar ao treino de novo para um nível mais baixo de intensidade. Aumentar num ritmo ainda mais lentamente do que antes.

Tratamento Cirúrgico

Muito poucas pessoas precisam de cirurgia para dores nas canelas. A cirurgia será feita em casos muito graves, que não respondem ao tratamento conservador. Não está claro o quão eficaz é a cirurgia, no entanto.

artroscopia para reparo de lesões meniscais

Prevenção

Existem coisas que você pode fazer para evitar dores nas canelas.

Usar um bom calçado esportivo: Para obter o ajuste direito, determinar a forma do seu pé usando o “teste molhado”. Ao sair do chuveiro pise numa superfície que irá mostrar a sua pegada, como um saco de papel marrom. Se você tem um pé plano, você verá uma impressão do seu pé todo no papel. Se você tem um arco alto, você só vai ver a bola e calcanhar do pé. Ao fazer compras, olhar para o tênis que correspondem ao seu padrão de pé particular. Atualmente, a maioria dos tênis servem para qualquer tipo de pisada, pois a sola molda ao pé.

Além disso, certifique-se de usar sapatos projetados para o seu esporte. Correr longas distâncias em tipo diferente de tênis pode contribuir para dores nas canelas.

Lentamente aumentar o seu nível de atividade. Aumentar a duração, intensidade e freqüência de seu regime de exercícios gradualmente.

Alternar entre esportes: Alternar com esportes de menor impacto, como natação ou ciclismo.

Correr descalço: Nos últimos anos, correr descalço ganhou popularidade. Muitas pessoas afirmam que ele ajudou a resolver dores nas canelas. Algumas pesquisas indicam que correr descalço distribui melhor o impacto entre os músculos, de modo que nenhuma área está sobrecarregada. No entanto, não há nenhuma evidência clara de que o corredor descalço reduz o risco de qualquer ferimento. Além disso, tem de proteger os pés. E como não corremos em grama ou terra (terreno macio), mas em asfalto e concreto, terrenos duros, tem de ser utilizado um amortecimento para evitar sobrecarga articular.

Nível de atividade

Como qualquer mudança significativa no seu regime de atividade, um programa de corrida deve ser iniciado de forma gradual. Comece com distâncias curtas para dar aos seus músculos e seu pé tempo para se ajustar. Correr longe demais ou rápido demais pode colocá-lo em risco de lesões por esforço.

>>> Instruções para Iniciar na corrida >>>

Se suas dores nas canelas não melhoram após o repouso e outros métodos descritos acima, não se esqueça de consultar um médico ortopedista para determinar o que está causando sua dor na perna.

Muito bom! Você leu todo o conteúdo. Gostou? Divulgue para seus amigos(as) e deixe um comentário ou dúvida aqui 

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

Segunda à Sexta em horário comercial

Veja a agenda clicando aqui