Hérnia de Disco

Hérnia de Disco

A hérnia de disco ocorre quando parte de um disco intervertebral sai de sua posição normal e comprime as raízes nervosas que se ramificam a partir da medula espinhal e que emergem da coluna espinhal. Esse problema é mais comum nas regiões lombar e cervical, por serem áreas mais expostas ao movimento e que suportam mais carga.

Uma hérnia de disco pode irritar nervos próximos e resultar em dor, dormência ou fraqueza em um braço ou perna. Por outro lado, muitas pessoas não experimentam sintomas de uma hérnia de disco.

Cerca de 20% da população tem hérnia de disco e não tem dor. Ter hérnia de disco não significa estar doente. Cerca de 80% das dores por hérnia de disco acabam dentro de 2 meses, com ou sem tratamento, os 20% restantes irão levar a dor crônica.

Hérnia de Disco

Causas

A hérnia de disco acontece com o desgaste desses discos, causado pelo seu uso repetitivo. Na hérnia de disco, existe uma fraqueza ou mesmo uma ruptura do anel que contém o disco, onde uma parte de seu conteúdo sai de sua posição normal e invade o canal vertebral, onde passam a comprimir as raízes nervosas, causando compressão sobre elas e, consequentemente, dor.

O desgaste pelo tempo e a genética são os principais causas predisponentes de uma hérnia de disco, mas forçar os músculos das costas para levantar peso excessivo pode ser um desencadeador deste problema.

Mais raramente, um acidente ou injúria pode também levar ao surgimento de uma hérnia de disco.

  • Fatores de risco
  • Movimentação repetitiva
  • Sedentarismo
  • Sobrecarga por excesso de peso
  • Excesso de atividade física de alto impacto

>>> O que é Lombociatalgia >>>

Sintomas

Hérnia de Disco Cervical

A dor está localizada na parte superior da coluna, mais especificamente no pescoço. A compressão do nervo pode fazer com que a dor irradie para o ombro ou braço. Outros sintomas incluem:

  • Dificuldade em realizar movimentos com o pescoço;
  • Sensação de dormência ou formigamento no ombro, no braço, cotovelo, mão ou dedos;
  • Diminuição da força em um dos braços.

Hérnia de Disco Torácica

Quando este tipo de hérnia acontece é comum o surgimento de uma dor intensa nas costas. Mas outros sintomas são:

  • Dor ao longo do trajeto do nervo ciático que vai da coluna vertebral à nádega, coxa, perna e calcanhar;
  • Pode haver fraqueza nas pernas;
  • Dificuldade em levantar o pé deixando o calcanhar no chão;

Hérnia de Disco Lombar

Quando este tipo de hérnia acontece é comum o surgimento de uma dor intensa nas costas. Mas outros sintomas são:

  • Dor ao longo do trajeto do nervo ciático que vai da coluna vertebral à nádega, coxa, perna e calcanhar;
  • Pode haver fraqueza nas pernas;
  • Dificuldade em levantar o pé deixando o calcanhar no chão;

Como prevenir a hérnia de disco

A maioria dos casos de hérnia de disco é causada pela predisposição genética da pessoa, mas a sua formação também é influenciada por vários fatores, como sedentarismo e esforço físico inadequado, como fazer movimentos bruscos, de forma incorreta ou levantar muito peso. Assim, para evitar a formação de uma hérnia de disco, é importante:

>>> Exercícios para coluna >>>

  • Praticar atividades físicas regulares;
  • Fazer exercícios de alongamento e fortalecimento dos músculos do abdome;
  • Manter a postura correta, principalmente ao levantar objetos pesados. É aconselhado pegar objetos pesados dobrando as pernas, para distribuir o peso, impedindo que seja aplicado maioritariamente na coluna vertebral;
  • Ter atenção ao sono. Ficamos sentado ou de pé por muito tempo durante o dia, isso faz o disco perder água. Durante o sono e deitados, o disco rehidrata e recupera a forma.

Tratamento de Hérnia de disco

O primeiro tratamento para a hérnia de disco é um período de repouso com medicamentos analgésicos, seguido por fisioterapia. A maioria das pessoas que seguem esses tratamentos se recupera e retorna a suas atividades normais (cerca de 80% em 6 semanas de tratamento). Poucas pessoas precisarão de tratamento mais específico, que pode incluir injeções de esteroides (bloqueios da dor), radiofrequência pulsada ou cirurgia.

As pessoas que sofreram um deslocamento de disco causado por lesão (como um acidente de carro ou levantamento de objeto pesado) receberão medicamentos anti-inflamatórios e drogas analgésicas do tipo narcóticas, se apresentarem dor forte nas costas e nas pernas.

Caso o paciente tenha espasmos nas costas, provavelmente receberá relaxantes musculares. Em poucas ocasiões, podem ser receitados esteróides orais ou injetáveis. Os anti-inflamatórios são usados para controlar a dor, mas narcóticos ( analgésicos potentes ) podem ser receitados caso a dor não responda aos anti-inflamatórios e corticoesteróides,

O disco vertebral é uma estrutura de fibrocartilagem que serve para evitar o contato direto entre uma vértebra e outra, e amortecer o impacto gerado pelos saltos, por exemplo.

Dores devido o trabalho

Tratamentos Cirúrgicos para Hérnia de Disco

Procedimentos Intradiscais

Existe uma série de procedimentos minimamente invasivos conhecidos como “procedimentos intradiscais”.
São procedimentos onde o médico especialista em coluna introduz uma camera guiada por raio X em tempo real com objetivo de avaliar com precisão o estado em que se encontra a hérnia de disco do paciente e recomendar o procedimento mais adequado para cada caso.

Procedimentos Minimamente Invasivos

Os procedimentos minimamente invasivos são uma alternativa extremamente segura no tratamento da hérnia de disco.
Eles oferecem diversas vantagens quando comparados aos tratamentos conservadores, feitos à base de anti-inflamatórios e cirurgia:

  • Não há necessidade de anestesia – o paciente permanece acordado durante todo o tempo em que dura o procedimento
  • Não são realizados cortes na pele – procedimentos são realizados por meio de agulhas
  • Não é feita internação – paciente recebe alta no mesmo dia, poucas horas após o término do procedimento

Bloqueio Epidural Transforaminal

O bloqueio epidural é um procedimento minimamente invasivo realizado por meio da inserção de agulhas na área afetada pela hérnia de disco através de visualização em tempo real por radioscopia (raio X em tempo real).
O bloqueio epidural consiste nas seguintes etapas:

  1. Agulhas são inseridas e conduzidas até um ponto específico onde o nervo deixa a coluna
  2. É realizada a injeção de contraste no local de modo a localizar a região precisa do nervo afetado
  3. É feita a aplicação de medicação exata, apenas na área afetada

>>> Como é feita a Infiltração na coluna >>>

E Quem Precisa de Cirurgia?

A hérnia de disco afeta 2 milhões de pessoas todos os anos. No entanto, apenas 5% dos casos de hérnia de disco tem indicação de cirurgia. São casos graves, que não responderam bem aos tratamentos e por isso precisam de intervenção cirúrgica. Nesses casos, a cirurgia endoscópica é uma opção não invasiva, que apresenta ótimos resultados.

Muito bom! Você leu todo o conteúdo. Gostou? Divulgue para seus amigos(as) e deixe um comentário ou dúvida aqui 
  • Tem indicação de cirurgia para artrose ou ruptura de menisco?
  • Sintomas devido ruptura de tendão no ombro ou joelho?
  • Tem dores nos membros inferiores ao correr ou caminhar?
  • Já teve luxação de patela ou ombro e tem receio que saia de novo?
  • Sente incômodo no quadril aos movimentos ou ao deitar?
  • Apresenta crepitações no joelho ao descer escada ou agachar?
  • Preocupado com sua pisada ou alinhamento dos membros?
clínica salus trata

Agende uma consulta!

Descubra nossos protocolos de tratamento eficazes e sem cirurgia, baseados em exame clínico detalhado, análise computadorizada da marcha e corrida e mais de 60 trabalhos científicos.

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

Segunda à Sexta em horário comercial

Veja a agenda clicando aqui