Tenho condromalácia e nunca mais vou poder voltar a correr e malhar?

 

Tema: condropatia patelar

Pelo contrário, deve continuar fazendo atividade física e faz parte do tratamento, mas tem de tomar algumas medidas terapêuticas.

Para a corrida de rua, esporte de endurance muito popular nos dias de hoje, alguns cuidados adicionais tem de ser tomados, que incluem a realização de análise computadorizada da marcha, corrida e postura para avaliação de equilibro muscular e buscando possíveis pisadas patológicas como supinadores e pronadores extremos. Fatores fisiológicos individuais como níveis sanguíneos de GH, testosterona e vitamina D são de suma importância na prevenção de lesões por sobrecarga (over-use).

A musculação é muito importante e faz parte do tratamento:

  1. Regenerativa, onde o fisioterapeuta age tirando a dor e realizando a ativação inicial da musculatura da coxa e quadril.
  2. Preventiva, onde o trabalho inicial do fisioterapeuta é continuado em academia, tendo muito cuidado com a angulação de proteção de cada máquina e ao padrão de contração muscular. Nesta fase, é comum haver erro de e execução e exige comunicação entre médico-fisioterapeuta e educador físico.
  3. Retorno ao esporte gradual.

0


Deixe uma resposta

Este artigo não foi revisado desde a publicação.

Este post foi criado por Dr. Márcio Silveira Ligar 29/12/2018.