Dores no tornozelo ocorrem nesta articulação que faz a ligação das pernas e dos pés. Ele é uma estrutura estável composta por três ossos com ligamentos e tendões que mantêm a sua estabilidade. Sua função é receber e distribuir para os pés toda a carga de peso que vem do corpo.

Por causa disso, essa articulação está muito propensa a sofrer sobrecarga e estresse, e por consequência dores no tornozelo. Essas condições se manifestam em forma de dores, incômodos e até mesmo lesões. Isso torna mais grave quando o indivíduo apresenta uma doença ou problema que deixa os tornozelos mais fracos e sensíveis.

dores no tornozelo

A dor que se manifesta nessa região pode não ser nada muito grave, como também indicar uma condição que exige mais atenção.

Causas de dores no tornozelo

Problemas na pisada

O modo como uma pessoa sustenta o pé no chão (pisa) pode desencadear as dores no tornozelo. Isso acontece porque existem três tipos diferentes de pisada, sendo:

  • supinada: quando a concentração do peso do corpo é maior na parte de dentro dos pés;
  • pronada: quando a concentração do peso é maior na parte de fora dos pés;
  • neutra: peso é distribuído de forma equilibrada sobre os pés.

No caso das pisadas supinada e pronada a forma como os pés tocam no chão acabam forçando a articulação do tornozelo para dentro ou para fora. Essa posição inadequada causa dor na região e, com o tempo, leva a lesões nessa e outras articulações.

Desalinhamento biomecânico
O desalinhamento do tornozelo, principalmente em movimentos intensos e repetitivos como correr, pode gerar microtraumas nessa articulação. Quando desviado para dentro, nomeia-se a posição dos tornozelos como valgos, e quando o desviado para fora, o nome da posição é varo.

>>> Avaliação biomecânica e baropodometria >>>

Sobrecarga
A sobrecarga é um dos principais fatores ligados a lesão dos pés, isso porque eles suportam todo o peso do corpo. Manter-se dentro do peso ideal ajuda a evitar esse fator, assim como diminuir a intensidade e repetição dos exercícios físicos. Por isso, pessoas obesas e atletas são mais susceptíveis a terem dores no tornozelo.

Doenças e inflamações

Algumas doenças e inflamações também acometem essa articulação promovendo dores no tornozelo. Entre elas podemos citar aquelas mais comuns que são:

  • tendinite: inflamação que se manifesta quando um dos tendões é danificado, geralmente em função de movimentos repetitivos ou esforço excessivo;
  • gota: doença reumática classificada como condição crônica que provoca inflamação grave nas articulações;
  • artrose: problema degenerativo que afeta os tecidos flexíveis localizados nas extremidades dos ossos. Ele se desgasta, os ossos ficam mais grossos e atritam entre si;
  • artrite reumatoide: inflamação sistêmica das articulações que provoca o desgaste delas causando dores que se manifestam, principalmente, de manhã ou após um longo período de repouso;
  • bursite: Inflamação que afeta as bursas, que são bolsas de líquido que protegem as articulações do corpo.

Entorses

No caso das dores no tornozelo com histórico de entorses, ocorre que por mais que passem anos sem sintomas, os tendões que estabilizam o tornozelo estão sendo forçados e qualquer aumento de intensidade nos treinos ou treino em terreno irregular, vai trazer uma sobrecarga ainda maior para estes tendões, gerando assim microlesões que geram dor e na insistência, inflamação e até ruptura.

Tratamento Especializado em Brasília / DF >

[jetpack-related-posts]