As tíbias, mais conhecidas como ossos da canela, na anatomia humana, são ossos longos localizados entre os pés e os joelhos. O osso não é liso completamente, existem imperfeições na superfície que podem aumentar com traumas locais ao longo da vida. 

Dr. Márcio Silveira: Ortopedista Especialista em Traumatologia Esportiva, Joelho - Adulto e Infantil - e Idoso osso canela

Caso esteja apresentando dor anterior na perna e está preocupado com a sensibilidade na palpação, tem de investigar canelite, fratura ou fadiga:

Canelite
A canelite é a lesão mais comum em quem sente dor na canela. Você também pode ouvir o termo periostite indicando essa lesão, porém o nome mais correto é síndrome do stress tibial medial. Todos os nomes falam da mesma coisa, que é uma lesão na parte interna da tíbia, osso da perna. O sintoma mais característico é dor ao apertar a parte de dentro da canela, região que também dói ao correr.

Fratura por estresse
Quando o nível de sobrecarga na região da tíbia aumenta muito, o que era somente uma reação ao stress se torna uma fratura no osso. Neste caso a dor pode aparecer na parte da frente da tíbia, ou na região mais interna, como na canelite.

Fadiga no músculo da canela
O músculo que se aloja na porção anterior da perna é chamado de tibial anterior. Ele é responsável por elevar o pé na corrida (fazendo um movimento de flexão do tornozelo). A dor nesse músculo acontece mais frequentemente em pessoas que estão começando a correr, pois a musculatura ainda não está habituada e entra em fadiga. Ao contrário da canelite, não costuma causar dor ao toque, e sim somente durante a corrida, tendendo a desaparecer após algum tempo de treinamento.