Lesões osteocondrais

Lesões osteocondrais são defeitos na cartilagem de uma articulação e no osso subjacente. Cartilagem é um tecido conjuntivo que cobre os ossos entre as articulações. Quando há degeneração, separação ou ruptura da cartilagem, pode ser referida como uma lesão osteocondral. O osso direito embaixo da cartilagem pode também ser afetado. A articulação do joelho, do tornozelo e do cotovelo são locais comuns onde esse defeito ocorre principalmente em atletas.

Lesões osteocondrais, nada mais são do que uma lesão na cartilagem. Como a cartilagem é um tecido que tem um baixo potencial regenerativo, as lesões condrais de joelho tendem a aumentar. Quando ocorre uma lesão condral, temos um aumento do impacto entre os ossos da articulação. Isso pode gerar dor e redução significativa da funcionalidade.

Dor e inchaço são os sintomas mais comuns das lesões osteocondrais no joelho. A dor é mais intensa quando se anda. Muitas vezes, em casos de traumatismos, esses sintomas duram alguns dias e depois passam, voltando alguns anos depois quando a lesão osteocondral está maior. Alguns pacientes podem ter também estalos e/ou falseios. As lesões osteocondrais no joelho costumam evoluir para artrose.

O diagnóstico de uma lesão osteocondral no joelho é feito pelo exame de ressonância magnética.

Tratamento das lesões osteocondrais

 

 

 

lesões osteocondrais
Observe que as lesões osteocondrais são um defeito focal, tendo tecido cartilaginoso normal ao redor da lesão.

 

Dr. Márcio Silveira: Ortopedista Especialista em Traumatologia Esportiva, Joelho - Adulto e Infantil - e Idoso Microfratura
A cartilagem restante é normal, sendo possível realizar o procedimento de microperfuração.

 

 

Lesões osteocondrais no joelho de crianças costumam ser tratadas com a imobilização da articulação. Em adultos o tratamento costuma ser cirúrgico na maioria das vezes. A cirurgia pode ser feita por artroscopia. A cartilagem danificada é regularizada (condroplastia) e pequenos furos podem ser feitos no leito ósseo para estimulação da cicatrização local (microfraturas), associados ou não com membrana, ou realizado transplante osteocondral (mosaicoplastia) dependendo da extensão da lesão. Danos extensos em pacientes mais velhos costumam ser tratados com artroplastia.

Condropatia

Condropatia é uma doença das cartilagens. A contropatia é um termo muito usado na descrição de exames de imagem como ressonância, onde o radiologista não sabe exatamente a doença que está provocando a lesão na cartilagem e as alterações nesse tecido são descrito como uma cartilagem doente ou simplesmente “condropatia“.

Pode ocorrer em qualquer articulação do corpo, mas é muito comum na articulação patelo-femoral do joelho. A condropatia, que é um desgaste difuso não tem tratamento operatório, a não ser que exista artrose avançada ou lesões osteocondrais localizadas.

Dr. Márcio Silveira: Ortopedista Especialista em Traumatologia Esportiva, Joelho - Adulto e Infantil - e Idoso LESoES DE CARTILAGEM DO JOELHO 1 1
Quando a lesão é difusa, com um afinamento da cartilagem, não adianta realizar procedimento operatório, pois não terá resultado.

Tratamento da condropatia

O tratamento é reduzir o peso, quando existir o sobrepeso, e realizar a reabilitação muscular para reduzir a sobrecarga articular. Pode ser utilizado medicações orais e infiltrações articulares. E evite estas atividades que prejudicam o joelho, veja clicando aqui >

 

O diagnóstico sendo de ARTROSE, muda, pois não é somente a condropatia, mas já existe uma doença do osso, com deformidade e dor intensa, podendo ser realizados osteotomias e realinhamentos, ou mesmo, a artroplastia.

 

Saiba mais sobre a condropatia / condromalácia aqui >
Saiba mais sobre a lesão osteocondral aqui >

 

MUITO BOM! VOCÊ LEU TODO O CONTEÚDO. Ficou alguma dúvida? Deixe uma pergunta nos comentários abaixo, que será respondida.